Pages

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Se eu for embora agora...

Quem vai cuidar de você?
Quem vai te entender?
Quem vai te dar carinho?
Quem vai te proteger?
Quem vai te amar?
Quem vai te abraçar?
Quem vai te ouvir?
Quem vai secarr suas lágrimas quando ousarem cair? Quem vai?

Sua presença de nada me vale, suas palavras já não me penetram mais, seu choro já não me comove, seu toque já não me arrepia, seu olhar já não me penetra a alma, sua voz já não me persegue, sua boca já não me sacia, você de nada me vale mais.

Me diga, se eu for embora agora o que será de você?
Você será a mesma, pois pra você foi como se eu nunca estivesse do seu lado, como se eu nunca estivesse existido -, assim como o "Nada" não lhe faz falta, eu "Nada" lhe faço também.

Se eu for embora agora?
Você será a mesma.

4 comentários:

  1. Nossa, forte teu texto.
    Muito bom! ^^

    ResponderExcluir
  2. Arrasou! As palavras soaram intensas e entorpecentes. Adorei!

    ResponderExcluir
  3. Adorei o novo visual do blog. Quanto ao texto acho que poderia perfeitamente ser um soco no estômago de quem "vista a carapuça". beijos!

    ResponderExcluir
  4. Você gostaria deter seu texto (poema, conto, prosa, ensaio, matérias de cultura em geral, biografias de bandas, artesanato, turismo, artes plásticas, saúde, vida, sociedade...etc) no blog FANZINE EPISÓDIO CULTURAL?
    Envie seu texto com uma foto sua ou uma imagem relacionada ao texto para machadocultural@gmail.com

    Acesse o blog:
    HTTP://www.fanzineepisodiocultural.blogspot.com

    ResponderExcluir

Peço a vocês sinceridade e um comentário bem construtivo. Não coloque o link do seu blog, e nem propagandas.